sábado, 17 de abril de 2010

A saudação Romana: Ontem e hoje com o mesmo orgulho em ser Europeu

A bem conhecida "Saudação Romana", executada inicialmente pelos soldados romanos, possivelmente como cortesia militar. É uma saudação feita com o braço levantado para a frente, com a palma da mão esticada e para baixo.
Infelizmente, muita gente actualmente tem uma visão deturpada sobre a origem e o significado, atribuindo tal gesto a ideologias de 'extrema-direita' (como o fascismo e nacional-socialismo). Nada mais falso, tal saudação é neutra em relação a qualquer tipo de ideologias políticas, e exprime unicamente o orgulho da nossa civilização e o orgulho de sermos Europeus.


Soldados Romanos a fazer a saudação.






Nacionalistas Europeus.


Nacionalistas africânderes a fazerem a saudação romana no funeral de Terre'Blanche.


Nacionalistas portugueses da "Ordem Nova".

domingo, 4 de abril de 2010

Líder Nacionalista afrikander Eugenne Terreblanche assassinado



Eugenne Terreblanche de 69 anos, foi ontem, dia 3 de Abril assassinado por 2 empregados negros,na sua quinta no nordeste do país. Em causa deverão estar uma discussão por causa de salários em atraso, os 2 homens de 15 e 21 anos respectivamente já foram detidos pela polícia. O presidente da África do Sul Jacob Zuma já classificou o homícidio do líder do AWB como grave e disse que os responsáveis irão ser punidos, apelou também á calma e que para esse crime não incentivasse ao ódio racial na África do Sul.
Desde que a quadrilha de criminosos tomou o poder em 1994 até agora estima-se que já tenham sido assassinados 3 mil fazendeiros brancos, naquilo que para muitos dentro da comunidade branca já é considerado um verdadeiro genocídio contra os sul-africanos de ascendência europeia.
Recentemente uma música do tempo do "apartheid" que costumava ser cantada pelo líder da juventude do ANC, Julius Malema, editou recentemente uma antiga canção entoada nos tempos da luta contra o Apartheid cujo refrão apela à "morte dos boers". A justiça sul-africana apressou-se a ilegalizar esta canção criticada por várias associações por incitar a violência racial.


Notícias relacionadas com a morte de Terreblanche nos media:
http://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia182/2010/04/03/mundo,i=183689/LIDER+DA+EXTREMA+DIREITA+E+ASSASSINADO+NA+AFRICA+DO+SUL.shtml

http://g1.globo.com/Noticias/Brasil/0,,MUL1556215-5598,00-PRESIDENTE%20SULAFRICANO%20PEDE%20CALMA%20APOS%20ASSASSINATO%20DE%20LIDER%20DA%20EXTREMADIREI.html

http://www.publico.pt/Mundo/temese-uma-situacao-explosiva-na-republica-da-africa-do-sul_1430732

http://www.publico.pt/Mundo/temese-uma-situacao-explosiva-na-republica-da-africa-do-sul_1430732

Mas quem era realmente Terreblanche? Terreblanche era um nacionalista bôer que lutava por uma pátria independente para o seu povo para se defender contra a tirania do governo criminoso e racista do ANC. Por isso e só por isso, no dia da sua morte é vítima de todo o tipo de mentiras e calúnias, como ser chamado de nazi, de extrema-direita, racista etc.